Pep Guardiola não quer 'entrar em guerra' com José Mourinho. O treinador português do Real Madrid lançou hoje uma 'farpa' ao rival Barcelona, ao considerar que algumas equipas - citando o exemplo do Sp. Gijón - não se empenham ao máximo contra os 'blaugrana', mas o catalão recusa polémicas.

"Nós jogamos contra o Sp. Gijón como uma equipa, não contra suplentes ou titulares. Todos os jogadores da Liga [espanhola] merecem respeito. Os plantéis são amplos e qualquer um pode jogar, porque todos os jogadores têm capacidade para isso", disse Guardiola, reforçando: "Não tenho nada a dizer a Mourinho." 

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.