O Barcelona recebeu e goleou por 4-0 o Espanhol, num dérbi catalão em que houve festa de despedida para Guardiola e onde Messi foi estrela.

O argentino chegou à marca de 50 golos, nunca vista num campeonato de futebol.

O primeiro golo foi apontado aos 12 minutos, mas demorou até surgir o segundo. Aos 64’, Messi convertia com sucesso uma grande penalidade e 10 minutos aumentava a sua conta pessoa, e a do Barça, para três sem resposta. O último golo surgiu aos 79’, novamente de grande penalidade.

A tarefa de Ronaldo em renovar o título de melhor marcador está, assim, quase impossível, já que o português apenas marcou um golo hoje e já só falta uma jornada para marcar seis e passar o argentino. Precisamente, contra  a única equipa à qual Ronaldo ainda não marcou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.