O futebolista Miguel poderá incorrer numa pena de prisão até cinco anos, por envolvimento num crime de exibição de armas de fogo e disparos de tiros à porta da discoteca RS Dreams, no Seixal.

O Ministério Público já acusou formalmente o “Gang de Chelas” por vários crimes na zona de Lisboa. O futebolista tem sido ligado ao grupo e os desacatos referidos ocorreram no Verão passado, quando Miguel e alguns amigos foram impedidos por segurança de entrar na discoteca.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.