José Mourinho saiu hoje em defesa de Ronaldo, assegurando que as palavras do internacional português não podem ser lidas como críticas aos adeptos. O jogador, de 25 anos, pediu ontem aos associados do Real Madrid para não assobiarem a equipa, tal como sucedeu na vitória deste fim-de-semana sobre o Osasuna.

"Ronaldo é um rapaz que joga o seu corpo e o seu futuro pelo Real Madrid, assumindo sempre risco máximo. Não criticou os adeptos, limitou-se a pedir comunhão entre o público e a equipa, e fê-lo de modo positivo", afirmou Mourinho na conferência de imprensa de antevisão do jogo com o Ajax, para a Liga dos Campeões, esclarecendo de forma definitiva: "Cristiano não criticou os adeptos."

'El Especial' foi questionado sobre a alegada ansiedade de Ronaldo, mas relativizou a questão: "Ele sabe que pode marcar a diferença e que a equipa precisa dele. Quer ser sempre o melhor, tem um grande amor-próprio. Não vejo nada de negativo na sua atitude."

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.