A primeira e segunda divisão espanhola foram suspensas pelas próximas duas jornadas, informação confirmada pela Liga Espanhola. A suspensão fica válida, durante as próximas duas semanas e será reavaliada depois do "final das quarentenas decretadas nos clubes afetados e de outras situações que possam ocorrer".

Já na passada quarta-feira a Real Federação Espanhola de Futebol tinha decidido suspender todas as competições não profissionais.

Além do impacto desportivo, esta suspensão das provas de futebol profissional terá impacto financeiro nos clubes. O jornal 'Marca' fez as contas e chegou a seguinte conclusão: se não houver mais futebol esta época, os clubes da Primeira e Segunda Divisões terão perdas na ordem dos 678,4 milhões de euros.

Em La Liga, as perdas serão de 610,9 milhões de euros, entre venda de bilhetes, receitas televisivas e prémios. Na segunda divisão esse impacto será de 67,5 milhões.

As receitas de TV são as que mais podem ser influenciadas. No início da temporada, os clubes da Liga Espanhola estimaram a partilha de 549 milhões de euros, sendo 494 milhões referentes à Primeira Liga e 55 à Segunda Divisão.

O novo coronavírus responsável pela Covid-19 foi detetado em dezembro, na China, e já provocou mais de 4.600 mortos em todo o mundo, levando a Organização Mundial de Saúde a declarar a doença como pandemia. O número de infetados ultrapassou as 125 mil pessoas, com casos registados em cerca de 120 países e territórios, incluindo Portugal, que tem 78 casos confirmados.

Em Espanha há quase três mil casos e 86 mortes devido ao Covid-19.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.