Depois da derrota em Paris com o PSG (3-0) e de dois empates em quatro jogos da Liga Espanhola, soam alertas em Madrid e o lugar de Zidane no comando técnico do Real Madrid pode estar em causa.

Durante esta sexta-feira, a imprensa espanhola avançou que o presidente do Real, Florentino Perez, já está a pensar em nomes para substituir o francês no comando da equipa.

Mas o despedimento de Zidane traz uma grande despesa para o clube espanhol: de acordo com o jornal ‘Sport’, a saída implicaria o pagamento de 80 milhões de euros ao francês.

O treinador assinou, no último mês de março, um contrato válido por três épocas e meia, a receber 13 milhões por época. Se Perez optar por despedir Zidane terá de lhe pagar os salários correspondentes ao tempo que ficar por cumprir no contrato.

Se a demissão acontecesse agora, os ‘merengues’ teriam de pagar 39 milhões de euros, num total bruto de 80 milhões.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.