O jornal espanhol ´Marca` chama-lhe ´O cobrador do craque`. O pai de Neymar é um dos que mais vai ganhar com a transferência do atacante brasileiro para o Paris Saint-Germain.

Os catalães não estão dispostos a negociar, pelo que a única forma de o PSG ter o jogador é batendo a cláusula de rescisão, fixado neste momento em 222 milhões de euros. Números astronómicos e impensáveis até há bem pouco tempo. Mais do dobro pago por Paul Pogba (105 M€), o jogador mais caro da história do futebol... até agora.

Se o negócio for para a frente, o Barcelona perde um jogador-chave, mas fica com os cofres cheios para poder atacar o mercado. Mas quem vai mesmo ´esfregar as mãos` é o pai de Neymar, que deverá tornar-se no agente com maior lucro na venda de um jogador.

Diz a ´Marca` que o pai de Neymar foi o principal interessado em facilitar a saída do jogador para o PSG. Mas, antes disso, quer receber 26 milhões de euros do Barcelona. Esta verba diz respeito a renovação do contrato de Neymar com o Barcelona em novembro do ano passado. O pai e empresário do craque brasileiro ficou de receber essa verba, mas os dirigentes catalães não estão dispostos a pagar, ainda por cima com Neymar a poder sair menos de um ano depois de ter renovado. Já em 2013 o Barcelona tinha pago 40 milhões de euros ao pai de Neymar como compensação por ter ajudado na transferência do avançado do Santos para o clube catalão antes do tempo previsto.

Custo de Neymar poderá chegar aos 111 milhões de euros
Custo de Neymar poderá chegar aos 111 milhões de euros
Ver artigo

Mas há mais. Depois do escândalo sobre a transferência do jogador do Santos para o clube blaugrana, os dirigentes do Barcelona foram obrigados a revelar os contornos do negócio. E aí ficou-se a saber que o pai de Neymar recebeu ainda 2,7 milhões de euros de comissão pela transferência, o filho levou 10 milhões como prémio de assinatura  e o pai outras quantidades não especificadas, a repartir pelos primeiros cinco anos de contrato de Neymar. O pai do jogador ficaria encarregue de captar publicidade, promover eventos sociais e funcionar também como olheiro do Barça no Brasil.

Barcelona paga mais 13,5 milhões de euros ao fisco pela contratação de Neymar
Barcelona paga mais 13,5 milhões de euros ao fisco pela contratação de Neymar
Ver artigo

O Barça quer evitar a todo o custo que Neymar saia e não quer pagar os tais 26 milhões de euros. Escreve o jornal ´As` que o Barcelona irá depositar essa verba num cartório para que o mesmo seja pago ao pai de Neymar se o jogador brasileiro permanecer em Camp Nou. Se sair, não será pago qualquer cêntimo ao pai do atleta. Mas se o Barça depoisitar os tais 26 milhões de euros na conta de Neymar Silva Santos, o clube catalã pagará 66 milhões de euros ao pai e empresário de Neymar Júnior. Os bolsos de Neymar da Silva Santos poderão ficar ainda mais ´recheados` com a mudança do filho para Paris já que irá receber a mesma quantidade que o Barça lhe pagou em 2013: 40 milhões de euros.

O pai de Neymar está muito interessado na operação e dava-lhe jeito um acordo entre as partes, algo muito complicado dada a intransigência do Barça. O negócio deverá ficar concluído nos próximos dias. De uma forma ou outra, o pai de Neymar Jr. sairá sempre a ganhar.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.