Javier Tebas, presidente da La Liga, apresentou a demissão ao cargo e convocou eleições. De acordo com a imprensa espanhola, trata-se de uma decisão estratégica, de forma a acelerar a nova tomada de posse. O seu atual mandato terminaria a 26 de dezembro.

Assim, agora, ainda na tarde desta quarta-feira deverá ser criada uma Comissão Eleitoral, para a qual serão sorteados cinco clubes, três do primeiro escalão e dois do segundo. Esses clubes serão, durante um mês, os responsáveis pelos poderes executivos da La Liga, de forma a garantirem que o processo eleitoral decorrer com a clareza necessária.

Ainda não são conhecidos outros candidatos à presidência do organismo e Javier Tebas deverá assim ser reeleito para um quarto mandado à frente da La Liga.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.