Enrique Cerezo, presidente do Atlético Madrid, reagiu à sanção imposta ao clube madrileno pela FIFA, que impede os 'colchoneros' de inscreverem jogadores durante as duas próximas janelas de transferências.

"Vamos recorrer de certeza. Temos toda a razão", disse à imprensa espanhola Cerezo, que qualificou a situação como "uma grande injustiça".

"Não poder contratar jogadores é um problema", admitiu, "mas o nosso plantel é muito amplo".

Real Madrid e Atlético Madrid foram castigados devido ao facto de terem infringido as normas relativo a contratação de atletas menores de idade.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.