Josep Maria Bartomeu, presidente do Barcelona, veio a público explicar o que aconteceu nas negociações por Neymar.

Numa entrevista aos diretores dos jornais Sport, Mundo Deportivo e 'L'Esportiu, o dirigente catalão admitiu que tentou contratar o internacional brasileiro, mas que o Barcelona não conseguiu corresponder às exigências do PSG.

"A ideia de o tentar contratar foi desportiva, entre o Abidal, Planes e Valverde, para lá dos olheiros. Nunca colocámos nomes em cima da mesa. O PSG pediu-os, não fomos nós que oferecemos. Há um momento em que essas exigências se tornaram impossíveis. O PSG pediu um jogador emprestado e uma opção de compra obrigatória. Nós fizemos todos os possíveis para contratar Neymar", garantiu Bartomeu.

O presidente do Barcelona adianta ainda que, por agora, o brasileiro não faz parte dos planos do clube. "Não entra na planificação de janeiro", garantiu.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.