Kiko Casilla e Mariano Díaz foram impedidos pelo Real Madrid de representar a seleção da Catalunha num jogo particular frente à Tunísia agendado para o próximo dia 28 de dezembro.

Segundo avança o jornal 'Mundo Deportivo', o Real Madrid não autorizou a presença dos dois jogadores numa partida que serve essencialmente apra reafirmar a identidade e independência da Catalunha.

De acordo com as informações veiculadas a decisão técnica de impedir os jogadores de participarem no jogo amigável prende-se com o facto do Real Madrid regressar ao trabalho um dia antes do jogo entre Catalunha e Tunísia.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.