De acordo com o relatório do árbitro, citado esta segunda-feira no diário desportivo "Marca", "o jogador que marcou o golo na derrota da sua equipa por 1-2, atacou pessoalmente o árbitro Antonio Rubinos Pérez mal este deu por terminado o encontro".

De referir ainda que já no balneário, o árbitro foi surpreendido pelos jogadores, técnicos, directores e seguranças do recinto. "Não se pode indicar como nem quem começou o incidente», terá relatado o árbitro, que, ainda assim, voltou a identificar «o jogador do Villarreal com o dorsal n.º 7 indicado", que pertence a Robert Pires.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.