Cristiano Ronaldo mantém-se inconformado com as acusaões de fuga ao fisco de que foi alvo. O jornal espanhol 'As' anuncia esta terça-feira que o internacional português está determinado a provar que não cometeu qualquer ilegalidade e que, por isso mesmo, não pretende fazer um acordo com as Finanças.

Recorde-se que o Ministério Público de Madrid acusou o jogador do Real Madrid de ter, de forma "consciente", criado uma sociedade para defraudar o fisco espanhol em 14,7 milhões de euros.

Nesse sentido, o jogador do Real Madrid disse estar de "consciência tranquila" em relação ao caso. A mesma publicação, no entanto, recorda que o clube espanhol aconselhou o português a saldar os 14,7 milhões de euros em causa, algo que o avançado recusou veementemente.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.