Num encontro disputado sob intenso calor, o Sevilha, vencedor da Taça do Rei na última temporada, viu-se em desvantagem logo aos quatro minutos, na sequência de um pontapé de canto, com José Miguel Caballero a assinar o tento.

Reagiu o Sevilha e, cinco minutos volvidos, o argentino Fazio restabeleceu a igualdade.

Negrego marcou aos 63 minutos e fez o 2-1, mas a vantagem foi quebrada por Aarón Bueno dois minutos depois, na conversão de um pontapé de grande penalidade.

Aos 75 minutos, Negredo bisou e fixou o resultado em 3-2, o que valeu o terceiro lugar ao Sevilha, que no sábado tinha empatado 1-1 com o Espanyol de Barcelona.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.