O Villarreal regressou hoje aos triunfos na deslocação ao reduto do Getafe (2-1), num desafio da 32.ª jornada da Liga espanhola, e aproximou-se do sexto lugar europeu, de acesso às taças europeias.

No Coliseu Alfonso Perez, nos arredores de Madrid, o ‘submarino amarelo’, um dos semifinalistas da presente edição da Liga dos Campeões, resolveu o desafio nos minutos iniciais, face à pontaria de Gerard Moreno (07), que, pouco depois, viria a assistir o colega Manu Trigueros (16). No segundo tempo, o turco Enes Unal (63) reduziu para os ‘azulones’.

Com este triunfo, e depois de três jogos seguidos sem vencer, a equipa de Unai Emery mantém a sétima posição, mas, agora, com 49 pontos, menos seis do que a Real Sociedad (sexta). O Getafe é 15.º, com 32.

O Valência continua a viver um mau momento na La Liga e hoje somou o terceiro jogo consecutivo sem conhecer o sabor da vitória, tendo sido derrotado e, consequentemente, ultrapassado pelo Osasuna (2-1) na classificação.

O argentino Chimy Avila (50 minutos), na conversão de uma grande penalidade, e o croata Ante Budmir (74) anotaram os golos da equipa da Pamplona, antes de Carlos Soler, também da marca dos onze metros, encurtar distâncias, que deixam o Valência no 10.º lugar, com 42, menos dois do que o Osasuna.

No conjunto ‘che’, o internacional português Gonçalo Guedes cumpriu os 90 minutos, já o compatriota Thierry Correia não foi opção para o técnico José Bordalás.

Com tentos de Mojica (42), Bigas (58) e um autogolo de Le Kang-In (81), o Elche bateu em casa o Maiorca (3-0) e regressou aos bons resultados na prova, após três desaires, um desfecho que valeu a subida ao 13.º posto, com 35 pontos, mais seis do que o conjunto maiorquino (17.º).

Igualmente na rota dos triunfos está o Alavés, que voltou a somar três pontos nove encontros depois. Na receção ao Rayo Vallecano (1-0), que teve o luso Kevin Rodrigues entre os suplentes, o avançado Joselu (64) marcou o tento vitorioso do conjunto de Vitoria, que é agora 19.º e penúltimo classificado, com 25 pontos, mais três do que o Levante, ainda sem ter disputado o desafio da ronda 32.

O emblema dos arredores de Madrid, que terminou com menos um jogador, face à expulsão direta de Ivan Baliu (88 minutos), é 14.º, com 34.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.