O futebolista internacional suíço Loris Benito atribuiu hoje o favoritismo a Portugal na meia-final de quarta-feira para a Liga das Nações, porém acredita que os helvéticos podem surpreender se jogarem como equipa.

“O jogo vai ser muito difícil para nós, pois Portugal joga em casa e tem o apoio dos adeptos. Para nós é claro que queremos ser a equipa que bate o favorito”, disse o lateral-esquerdo de descendência espanhola.

O atleta de 27 anos dá a receita para o triunfo: “Temos de jogar muito juntos, como equipa, para enfrentar uma equipa de Portugal que nesta fase do torneio também merece passar à final.”

Aprecia a qualidade de Cristiano Ronaldo, mas diz que a seleção das 'quinas' tem vários “jogadores com muita qualidade, do mais alto nível no mundo”, pelo que teme mais o rival caso este também consiga fazer funcionar o seu poder coletivo.

Loris Benito passou pelo futebol luso quando chegou ao Benfica em 2014/15, mas não conseguiu se impor e saiu ao fim de uma época.

“O meu ano em Portugal foi para aprender muito. Não foi muito fácil para jogar, não tive muitos minutos de jogo, mas cresci muito. Foi um ano para aprender com grandes jogadores. A decisão de voltar para a Suíça foi por querer jogar mais”, revelou.

Garante que ainda é “fã” do Benfica e que acompanha os seus êxitos, mantendo contacto com alguns antigos companheiros.

Portugal e Suíça defrontam-se a partir das 19:45 de quarta-feira, no estádio do Dragão, no Porto, enquanto, na quinta-feira, Holanda e Inglaterra disputam a outra meia-final, em Guimarães.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.