O Barcelona sofreu em Kiev um golo logo aos 2 minutos, num livre de Milevsky, mas a sua reacção foi imediata e eficaz, com Xavi a empatar aos 33 minutos, num jogo em que os catalães tiveram uma percentagem esmagadora de posse de bola, acabando por chegar à vitória à beira do fim, através do inevitável Lionel Messi.

Ao vencer o grupo F, o FC Barcelona passa a ser um dos possíveis adversários do FC Porto, que ficou em segundo lugar do Grupo D, atrás do Chelsea, de Inglaterra, no sorteio agendado para o próximo dia 18 de Dezembro.

No grupo G, o Sevilha, já com qualificação garantida, venceu o Glasgow Rangers na Andaluzia por 1-0, através de um golo de Kanouté, aos 8 minutos, na transformação de uma grande penalidade, e garantiu o primeiro lugar, enquanto a surpresa do grupo, os romenos do Unirea Urziceni, não resistiram ao Estugarda, perdendo por 3-1, sendo relegados para a Liga Europa.

Aos 11 minutos já o Unirea perdia por 3-0, após uma entrada avassaladora dos alemães, que marcaram aos 5, 8 e 11 minutos, arrumando desde logo a questão, perante um adversário que fez uma campanha surpreendente e que precisava de um empate para garantir uma qualificação histórica para os oitavos de final.

O golo da equipa romena foi marcado, aos 47 minutos, por Semedo, antigo jogador do Estrela da Amadora, que representou o Cluj em 2006/07 e 2007/08 e o Steaua Bucareste na época passada, mas foi insuficiente face a uma equipa alemã que se limitou a gerir a vantagem alcançada nos primeiros minutos.

No grupo E, o Liverpool confirmou o momento delicado que atravessa na Liga inglesa e perdeu em Anfield Road por 2-1, com a Fiorentina, "carrasco" do Sporting no "play-off" de acesso à fase de grupos, que assegurou o primeiro lugar à frente da forte formação do Olympique de Lyon, onde alinham os ex-portistas Lisandro Lopez e Cissokho.

A equipa francesa goleou a frágil formação húngara do Debrecen por 4-0, com o lateral esquerdo Cissokho a marcar o quarto golo.

Finalmente, no Grupo H, os gregos do Olympiakos, treinados por Zico, venceram os ingleses do Arsenal, que já estavam apurados, por 1-0, garantindo um lugar nos oitavos-de-final da competição, enquanto o Standard de Liége conseguiu apurar-se para a Liga Europa ao empatar 1-1 frente ao AZ Alkmaar.

A equipa holandesa esteve em vantagem desde os 42 minutos, mas o Standard empataria já em período de compensações e em circunstâncias invulgares: o guarda-redes da formação belga, Bolat, subiu à grande área holandesa, na execução de um livre, e cabeceou a bola para o fundo das redes, festejando o golo de forma efusiva correndo pelo campo fora em direcção à sua grande área.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.