Depois de mais um jogo em que foi defesa central no Paris Saint-Germain, Danilo frisou que aquela não é a sua posição. Em declarações aos jornalistas após a derrota frente ao Leipzig na última noite, o internacional português recordou a sua posição.

"Defesa não é o meu trabalho, sou médio", disse, antes de afirmar que tem feito a posição por decisão de Thomas Tuchel.

"O treinador pede-me para jogar no meio da defesa e eu faço o que o treinador pede. Conheço o básico do papel de defesa. Estou a adaptar-me ao que o treinador pede de mim. Os meus companheiros ajudam-me muito a orientar-me no meu lugar na defesa", concluiu.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.