O Liverpool aplicou a goleada desta edição da Liga dos Campeões, ao bater o Rangers em Glasgow por 7-1, na 4.ª ronda do Grupo A. Os ingleses ficam com um pé e meio nos oitavos de final da prova, num grupo onde o Nápoles já se apurou, só com vitórias.

A jogar em casa, os escoceses até marcaram primeiro por Arfield, aos 17 minutos.

Mas os Reds 'chatearam-se' e 'despejaram' um 'camião' de golos na baliza do veterano Allan McGregor.

Ao intervalo até estava 1-1, depois de Firmino ter marcado de cabeça, após canto de Tsimikas.

Na segunda parte brilhou o português Diogo Jota, que tirou a noite para ser o assistente pessoal de Salah, em apenas cinco minutos. É dele os passes para os três golos seguidos do egípcio, aos 76, 80 e 81 minutos. Dois hat-tricks: um de assistências e outro de golos. Salah tinha entrado aos 68, pelo precisou apenas de cinco minutos para fazer três golos.

Firmino, aos 55 e Darwin Núñes, aos 66, tinham feito mais dois golos.

Hervey Elliott fechou as contas aos 87, ao fazer o 7-1 final.

A vitória deixa o Liverpool com um pé e meio nos oitavos de final da Champions, já que soma nove pontos, contra três do Ajax e nenhum do Rangers.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.