O diretor desportivo do Manchester City disse hoje que o líder do campeonato inglês de futebol e finalista da edição 2020/21 da Liga dos Campeões "está preparado" para a solidez do Sporting nos ‘oitavos’ da prova.

“Conhecemos o treinador e os seus bons jogadores, até porque tiveram anteriormente o Bruno Fernandes [que atua no rival Manchester United]. Agora, têm o Pedro Gonçalves, que marca golos, e o Pedro Porro, que conhecemos muito bem. Sabemos quem são e o quão bem estiveram nas últimas épocas, algo que o presidente Frederico Varandas conseguiu”, frisou o espanhol Txiki Begiristain, em declarações divulgadas pela UEFA.

Os ‘leões’ recebem o conjunto de Pep Guardiola, no qual alinham os internacionais lusos João Cancelo, Rúben Dias e Bernardo Silva, em 15 de fevereiro de 2022, no Estádio José Alvalade, em Lisboa, estando a deslocação a Manchester aprazada para 09 de março.

“Jogam com cinco unidades atrás e são uma equipa muito sólida. Claro que encontraram na fase de grupos da ‘Champions’ um Ajax numa forma inacreditável, mas, se estás no topo da Liga portuguesa, tens de bater sempre FC Porto e Benfica. Sabemos como competem nos duelos e gostam de combater. Temos de estar preparados”, observou.

O Sporting foi segundo colocado do grupo C, atrás dos holandeses do Ajax e à frente dos alemães do Borussia Dortmund, com nove pontos, enquanto o Manchester City venceu a ‘poule’ A, com 12 pontos, um acima dos franceses do Paris Saint-Germain.

Os lisboetas apuraram-se para os ‘oitavos’ da Liga dos Campeões pela segunda ocasião, depois de terem sido goleados por 1-12 (0-5 em casa e 1-7 fora) diante dos alemães do Bayern Munique, em 2008/09, na mais desequilibrada eliminatória de sempre da prova.

A história até é simpática para o Sporting, que afastou o Manchester City nessa mesma fase da edição 2011/12 da Liga Europa, na única vez em que mediram forças, apesar da cada vez mais reforçada candidatura dos ‘citizens’ a um inédito triunfo na ‘Champions’.

“Voltaremos a defrontar um clube português de topo. São sempre difíceis de bater, mas é um desafio e temos de aceitá-lo”, comentou Txiki Begiristain, aludindo aos dois duelos realizados na fase de grupos da época passada com o FC Porto (vitória caseira por 3-1 e ‘nulo’ no Dragão), num percurso finalizado com a derrota na final ante o Chelsea (1-0).

Os dois clubes têm estreitado relações desde 2019, quando assinaram um protocolo para cooperaram na prospeção de jovens talentos e na troca de atletas, como ilustrou, um ano depois, a cedência por duas épocas do defesa internacional espanhol Pedro Porro, cuja cláusula de compra é de 8,5 milhões de euros e pode ser acionada até ao final da época.

“O Rúben Amorim joga com cinco defesas e o Pedro Porro encaixa perfeitamente no sistema. O clube está localizado numa cidade maravilhosa. Conhecemo-lo, até porque lidámos com as suas pessoas, que são muito adoráveis”, terminou o diretor desportivo.

O Sporting defronta o Manchester City e o Benfica o Ajax, de acordo com a repetição, por motivos técnicos, do sorteio dos oitavos de final, que, em primeira instância, tinha colocado a Juventus no caminho dos ‘leões’ e o Real Madrid no das ‘águias’.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.