O treinador português do Valência mostrou-se muito satisfeito com a passagem da sua equipa à fase de grupos da Liga dos Campeões.

"O Valencia está onde merece estar, entre os melhores. Há que sofrer, trabalhar muito e dedicar muito tempo para competir a este nível. É merecido e estou muito feliz pelos jogadores. Obrigado aos adeptos que andaram 14 horas de autocarro e agora voltam, mas voltam felizes. É uma realidade onde queríamos estar e temos de estar preparados", afirmou Nuno Espírito Santo.

"Temos um plantel com muitas opções. Fizemos uma boa primeira parte, especialmente os primeiros 15 minutos. Sofremos, mas a equipa soube unir-se e guardar o resultado. Em três jogos oficiais, usamos todos os jogadores menos Yoel e Jaume. Queremos um plantel com muitas opções. Demos um passe importante e é a união que nos torna capazes. Os jogadores são solidários e comprometidos. Isso faz-nos muito fortes", referiu Nuno Espírito Santo, que deixou ainda uma palavra ao Monaco de Leonardo Jardim: "Eram duas equipas de Champions, mas o Monaco fica na Liga Europa e desejo-lhes toda a sorte”, acrescentou.

O Valência apurou-se, esta terça-feira, para a fase de grupos da Liga dos Campeões mesmo tendo perdido (2-1) na segunda mão do play-off, uma vez que triunfou com uma vantagem maior (3-1) na semana passada. No total, os espanhóis ultrapassam a eliminatória (4-3) e farão parte do sorteio da próxima sexta-feira.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.