Declarações de Fábio Vieira, médio do FC Porto, ele que marcou o primeiro golo dos 'dragões' frente ao Olympiacos.

Estreia a marcar na Champions: "Foi um sentimento fantástico. Trabalhei muito para isto, merecia esta oportunidade e estou muito feliz pelo meu primeiro golo na Champions. Mas o mais importante é a vitória da equipa num jogo muito difícil".

Outra vez titular: "Tenho-me sentido bem, estou a trabalhar no máximo para merecer as oportunidades. Consegui mais um jogo e dei tudo pela equipa. Estou muito feliz."

Chegar a primeira equipa do FC Porto: "Desde a vitória da Youth League, em Nyon, tenho trabalhado e continuo a dar o máximo. Fruto da minha capacidade e qualidade, conseguir chegar cá [à equipa principal] e estou a ter as minhas oportunidades. Vou continuar a trabalhar."

Jogo difícil: "Foi difícil, sabíamos que o Olympiacos tinha bons jogadores que jogam bem, têm qualidade, como nós, e foi um jogo bastante bem disputado."

Estreia a ganhar em casa: "Era muito importante não perdemos pontos em nossa casa. Queríamos muito ganhar após uma derrota e agora estamos focados no jogo do campeonato."

Resposta após jogos sem ganhar: "Demos uma boa resposta, fomos FC Porto desde início, jogámos bem, conseguimos desmontar a equipa adversária e acabámos com uma vitória bastante merecida da nossa parte e estamos bastante felizes."

O FC Porto venceu, esta terça-feira, os gregos do Olympiacos, treinados pelo português Pedro Martins, por 2-0, em jogo da segunda jornada do grupo C da Liga dos Campeões de futebol, garantindo os primeiros três pontos na competição. O jovem Fábio Vieira marcou o primeiro golo da partida, aos 11 minutos, com Sérgio Oliveira, aos 85, a ampliar a vantagem do FC Porto sobre o Olympiacos, que contou com os portugueses José Sá, Rúben Semedo, Rúben Vinagre, Bruma e Pêpê Rodrigues.

Com esta vitória, o FC Porto está em segundo lugar no grupo, com três pontos, os mesmos do Olympiacos, com o Manchester City, de Rúben Dias, João Cancelo e Bernardo Silva, a liderar com seis, depois da vitória de hoje frente ao Marselha, de André Villas-Boas, por 3-0, com os franceses ainda sem pontuar.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.