O treinador do Zenit, Luciano Spalletti, considerou esta terça-feira que o FC Porto se afirmou «entre os grandes da Europa», na véspera do encontro da segunda jornada da Liga dos Campeões em futebol.

Na conferência de imprensa de hoje, o técnico italiano afirmou que os “dragões” são «uma equipa difícil de bater e um clube importante a nível mundial, com uma estrutura muito forte».

«O historial dá força ao clube, que gera jogadores e treinadores de grande qualidade, que conseguem grandes sucessos com frequência», sublinhou Spalletti.

O técnico considerou que o jogo de quarta-feira (17h00 em Portugal), no Estádio Petrovsky, em São Petersburgo, “é um dos momentos fundamentais para o clube” russo.

«Com trabalho e a mentalidade correta – e sem cometer erros –, saberemos colher os frutos», afirmou aos jornalistas.

Luciano Spalletti disse ainda que a equipa irá alinhar com um quarteto defensivo, ao contrário do que aconteceu com o APOEL Nicósia, na primeira jornada do Grupo G, e que o guarda-redes Malafeev só jogará «se estiver a 100 por cento».

Na ronda inaugural, o Zenit perdeu por 2-1 no Chipre, enquanto os “dragões” receberam e bateram os ucranianos do Shakhtar Donetsk pelo mesmo resultado.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.