Sérgio Oliveira destacou a capacidade de sofrimento do FC Porto, na vitória por 2-0 sobre o Olympiacos, na segunda jornada do Grupo C da Champions. O médio marcou o segundo golo dos dragões.

"Era muito importante para nós se quiséssemos ter oportunidade de passar à próxima fase. Era um jogo crucial, era em casa e por esse aspeto também era importante. Demos uma boa resposta, fizemos um bom jogo. Na segunda parte notou-se um pouco de cansaço, porque temos tido uma grande senda de jogos, mas conseguimos reajustar e fazer o segundo golo. Fomos uns merecidos vencedores", começou por dizer ao Porto Canal, antes de destacar a importância do seu golo.

"Soubemos estar por baixo do jogo, também é importante saber defender bem, conseguimos não sofrer golo e a cada minuto que ia passando conseguimos subir no terreno, cimentar a nossa posição, fazer o 2-0 e assegurar a vitória", atirou.

Já Grujic, lançado no segundo tempo, fez a sua estreia no FC Porto e logo na Liga dos Campeões. O jogador emprestado pelo Liverpool mostrou-se feliz pela vitória e por ver público nas bancadas do Dragão.

"Estou muito feliz. Feliz pela equipa que mereceu a vitória. Fizemos um bom jogo contra um bom oponente, demonstrámos um grande caráter, porque na Champions nenhum jogo é fácil. Foi bom ganharmos perante os nossos adeptos pela primeira vez esta época. Para nós foi muito importante este jogo porque tínhamos perdido em Manchester, também podíamos ter feito, pelo menos, um ponto em Manchester e agora temos que continuar. Daqui a uma semana temos o Marselha e temos que estar preparados", comentou o sérvio em declarações ao Porto Canal.

O FC Porto venceu, esta terça-feira, os gregos do Olympiacos, treinados pelo português Pedro Martins, por 2-0, em jogo da segunda jornada do grupo C da Liga dos Campeões de futebol, garantindo os primeiros três pontos na competição

O jovem Fábio Vieira marcou o primeiro golo da partida, aos 11 minutos, com Sérgio Oliveira, aos 85, a ampliar a vantagem do FC Porto sobre o Olympiacos, que contou com os portugueses José Sá, Rúben Semedo, Rúben Vinagre, Bruma e Pêpê Rodrigues.

Com esta vitória, o FC Porto está em segundo lugar no grupo, com três pontos, os mesmos do Olympiacos, com o Manchester City, de Rúben Dias, João Cancelo e Bernardo Silva, a liderar com seis, depois da vitória de hoje frente ao Marselha, de André Villas-Boas, por 3-0, com os franceses ainda sem pontuar.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.