Na passada semana, o Valência anunciou a saída do treinador Marcelino e a entrada de Albert Celades, mas os jogadores do emblema che não reagiram bem a esta troca e deixaram isso bem claro esta segunda-feira.

Na conferência de imprensa de antevisão ao encontro entre o Valência e o Chelsea, marcado para esta terça-feira, Celades apareceu sozinho.

As normas das competições europeias esclarecem que o treinador deve comparecer na conferência de imprensa de antevisão acompanhado por um jogador, mas nenhum dos homens do Valência apareceu.

O boicote dos jogadores surge na sequência do despedimento de Marcelino e tinha sido já prometido no final do encontro com o Barcelona a contar para a La Liga.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.