O Liverpool venceu na visita ao Inter Milão (2-0), em jogo da primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões, disputado no Giuseppe Meazza.

O duelo entre italianos e britânicos parecia que iria terminar com o nulo, por culpa da falta de eficácia de ambos, face às várias oportunidades que desperdiçaram, sendo que, a melhor de todas, pertenceu aos ‘nerazzurri’, quando Hakan Calhanoglu acertou em cheio no ferro.

Contudo, no Liverpool, o português Diogo Jota teve uma participação discreta no primeiro tempo e acabou por ser rendido ao intervalo por Roberto Firmino, precisamente aquele que iniciou a construção do resultado confortável para encarar o segundo jogo em Anfield Road.

O ponta de lança brasileiro correspondeu da melhor maneira a um pontapé de canto cobrado por Andrew Robertson, aos 75 minutos, instantes antes do egípcio Mo Salah (83) ‘selar’ o triunfo, num remate de pé esquerdo no interior da grande área.

Luis Díaz foi lançado ao minuto 59, tendo sido fundamental para impulsionar o ataque dos ingleses.

De referir que Jurgen Klopp lançou de início Harvey Elliott, que se tornou no jogador mais jovem de sempre dos ‘reds’ a ser titular num desafio da ‘Champions’, com 18 anos e 318 dias, quebrando a marca do companheiro de equipa Trent Alexander-Arnold, conseguida em 2017.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.