O defesa-central e internacional português Luís Neto abordou a eliminatória contra o Benfica, elogiando um adversário que está a atravessar "um grande momento" e que "tem crescido muito como equipa".

"O jogo com o Benfica é de ‘50/50’. Tudo pode acontecer. Vai ser muito complicado e temos de estar preparados, porque nota-se perfeitamente o crescimento deles, nota-se também que a nível individual também cresceram muito e estão muito mais equipa", prosseguiu o central.

Luís Neto, 27 anos, a cumprir a quarta temporada no Zenit, notou um Benfica diferente em relação ao que existia sobre o comando de Jorge Jesus.

"Tem outra visão. Gostam mais de gerir o jogo. Normalmente, as equipas de Jorge Jesus são muito verticais, muito contra-ataque, muito vai-e-vem, vai-e-vem. Agora nota-se mais calma e tranquilidade na equipa, gerem muito bem a posse de bola, é um Benfica diferente, com outras ‘nuances’, mas continua um Benfica muito forte", caracterizou.

O defesa português assegurou que o Zenit, que vive a "segunda pré-época" da temporada, vai dar "o máximo para fazer uma boa ‘performance’" no Estádio da Luz, que lhe permita levar a eliminatória em aberto para a Rússia, onde "um clima diferente", a que já estão habituados, pode dar-lhes vantagem.

A visita do Zenit, onde também jogam o português Danny e o brasileiro Hulk, ao Algarve inclui a participação na Taça Atlântico, defrontando o Brondby, na segunda-feira, e o Norrkoping, na quinta-feira, ambos no Estádio Algarve.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.