O treinador do Barcelona, Tito Vilanova, lamentou a quantidade de lesões que afetaram o plantel catalão.

«Quero dar os parabéns ao Bayern por ter alcançado a final e aos nossos adeptos pelo seu apoio. Nós não baixamos os braços mesmo depois do golo, mas sabíamos quer era impossível. O Bayern foi muito forte fisicamente e nós tínhamos jogadores que não fizeram muitos treinos por estarem lesionados», disse no final do jogo.

Com Messi no banco, Vilanova acabou por fazer sair Iniesta e Xavi. «Ele teve uma série de lesões e pensei nos jogos para a Liga espanhola. Se o resultado fosse outro, talvez ele continuasse. Não realizamos a meia-final que todos esperávamos».

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.