“Há sete anos, quando cheguei ao Braga, disse que tinha um projecto para o clube, e muita gente não acreditava. Hoje, os resultados falam por si. O tempo deu-me razão”, declarou o presidente do Sporting de Braga, no aeroporto Francisco Sá Carneiro, no regresso a Portugal.

“O nosso objectivo, na Liga dos Campeões, é continuar a ganhar, jogo a jogo, independentemente do que nos calhar na fase de grupos os nossos adversários vão ter que lutar connosco”, sublinhou.

O presidente dos arsenalistas admitiu que o clube não vai entrar em euforias por ter alcançado o feito histórico de atingir a fase de grupos da prova milionária.

António Salvador pediu ainda aos adeptos bracarenses que continuem a apoiar o clube, “que ele merece”.

Num jogo verdadeiramente histórico, o Braga conseguiu bater o pé ao poderoso Sevilha e levar o bilhete dourado que lhe permite estar pela primeira vez entre os grandes da Europa. 4-3 foi o resultado favorável à equipa de Domingos Paciência, que já tinha triunfado na primeira-mão, por 1-0.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.