No Grupo C, Cristiano Ronaldo reencontrou o Marselha, equipa frente à qual se tinha lesionado no tornozelo direito, e foi decisivo na vitória do Real Madrid, apontando dois golos.

O camisola nove dos "merengues" inaugurou o marcador aos cinco minutos, num espectacular remate na marcação de um livre directo, antes de Lucho Gonzalez, antigo jogador do FC Porto, empatar, aos 11.

Na segunda parte, Albiol recolocou os espanhóis na frente do marcador, aos 60, e Ronaldo fechou a contagem, aos 80, já depois de Lucho ter desperdiçado uma grande penalidade.

No outro encontro da "poule", o AC Milan empatou a uma bola, com o FC Zurique, que esteve a ganhar, com um golo de Gajic, mas viu Ronaldinho empatar, na marcação de uma grande penalidade duvidosa, assinalada pelo árbitro português Pedro Proença.

Com estes resultados, o Real Madrid e o AC Milan garantiram a presença nos oitavos-de-final da Liga dos Campeões, enquanto o Marselha se qualificou para a Liga Europa.

A Juventus partia para a derradeira ronda do Grupo A com um ponto de vantagem sobre o Bayern de Munique e parecia encaminhada para a fase seguinte, quando Trezeguet inaugurou o marcador em Turim aos 19 minutos.

Contudo, os bávaros deram a volta ao marcador, com o ex-guarda-redes do Benfica Hans-Jorg Butt a empatar de grande penalidade, aos 30 minutos, antes de Olic (52), Gómez (83) e Tymoshchuk (90+2) consumarem a reviravolta.

Sem grande parte dos habituais titulares, o Bordéus, já apurado, venceu o Maccabi Haifa, por 1-0, sendo acompanhado na segunda fase da "Champions" pelo Bayern de Munique, enquanto a Juventus foi relegada para a Liga Europa.

Apesar de já ter garantido o apuramento, o Manchester United, com Nani a titular, não facilitou na visita ao Wolfsburgo e venceu por 3-1, com um "hat-trick" de Owen (44, 83 e 90+1), tendo Dzeko (56) feito o golo da equipa de Ricardo Costa, que cumpriu os 90 minutos.

O CSKA de Moscovo beneficiou da derrota dos campeões alemães e garantiu o apuramento para os oitavos-de-final da Liga dos Campeões, depois de ter vencido no terreno do Besiktas, por 2-1, graças um golo marcado aos 95 minutos, por Aldonin.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.