O jogo

"Foi a passagem da superação, encontrámos uma equipa que é das equipas mais categorizadas desta fase, tivemos uma contrariedade porque o Fejsa teve problemas físicos e esteve na eminência de não conseguir jogar mas fez um bom jogo e está de parabéns. O nosso presidente também não pôde estar presente e a presença dele é sempre muito importante. Sentímos ainda a falta dos adeptos do benfica e a saída do Castillo também foi difícil, foram tudo contrariedades. Mas jogámos de forma muito consistente do princípio ao fim, sabíamos que com a bola ou a escondíamos do adversário ou atacávamos o adversário. Foi um empate muito saboroso e justo, com a minha equipa a ser uma equipa que soube jogar muito bem na Liga dos Campeões".

Lacunas no plantel

"Não concordo quando dizem que existem lacunas. Jogam duas equipas e nós jogámos com uma equipa de valor, num estádio difícil, mas a minha equipa fez aquilo que tinha a fazer em todos os momentos do jogo. Sofremos um golo mas entrámos ainda mais rigorosos. Não conseguimos 90 minutos de perfeição mas de qualidade sim e foi isso que fizemos. Falar de lacunas é desvalorizar os meus jogadores".

Possível saída de Gedson

"Os jogadores estão muito envolvidos connosco, vamos continuar este trabalho, vamos ja preparar o próximo jogo e não pensamos em questões acessórias. Não sou treinador para dizer que preciso disto e daquilo, apenas transmito o que quero transmitir, não preciso de gritar, mas esses aspetos são entre mim e a minha admnistração".

Castillo e Ferreyra

"Escolhi o Castillo porque era preciso ter um jogador mais agressivo na profundidade e que colocava os centrais sobre pressão e que procura as costas dos laterais se fosse preciso e que nos dá uma saída longa de forma mais consistente. O Ferreyra também consegue fazer isso, mas hoje preferi o Castillo, infelizmente lesionou-se mas quer um quer outro fez o trabalho que lhe tinha pedido".

O campeonato

"Cada ano tem uma história, há circunstâncias que rodeiam as épocas. Sabíamos que o Fenerbahçe era um adversário difícil, agora temos de nos dedicar ao campeonato, jogar jogo a jogo e passo a passo, temos de viver jogo a jogo é assim que enfrentamos este inicio de epoca".

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.