No Estádio Ramón Sánchez Pizjuán, o primeiro desafio do Grupo G entre Sevilha e Salzburgo terminou empatado a um golo e ficou marcado pelas quatro grandes penalidades assinaladas – todas na primeira parte - pelo árbitro bielorrusso Aleksei Kulbakov, as três primeiras para os austríacos e a última para os espanhóis, sendo que os visitantes apenas converteram uma.

Primeiro, logo aos 13 minutos, o germânico Karim Adeyemi atirou a bola ao lado do poste esquerdo, depois, foi o croata Luka Sucic (21) a ser chamado para inaugurar o marcador, batendo da marca dos 11 metros com eficácia, algo que já não conseguiu repetir instantes depois, levado a bola a embater no ‘ferro’.

Do outro lado, o experiente médio Ivan Rakitc (42 minutos) não deu hipóteses a Kohn, restabelecendo a igualdade e fixando o resultado final, ainda antes do tempo de descanso. No segundo tempo, o marroquino recebeu ordem de expulsão, aos 50, e deixou a equipa de Julen Lopetegui reduzida a 10 jogadores.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.

Ajude-nos a melhorar o SAPO Desporto