António Salvador, presidente do Sporting de Braga, alinha pela mesma batuta de Domingos e gostaria de ver “um Real Madrid ou um Manchester United” na Pedreira, mas salienta que acima de tudo “o Braga está lá e é para contar com eles”.

Há sete anos, quando assumiu o clube minhoto, foi chamado de utópico por achar que o emblema tinha condições de chegar onde hoje chegou.

“É um dia histórico. Conseguimos aquilo que há sete anos, quando iniciei este projecto, queria que fosse realidade. Muitos diziam que era uma utopia. Está provado que tinha razão”, disse António Salvador.

O presidente garante também que o clube “não vai entrar em loucuras”, fazendo tudo de “forma sustentada para dar passos firmes”.

O Sporting de Braga qualificou-se esta terça-feira para a fase de grupos da Liga dos Campeões, pela primeira vez, ao vencer no reduto do Sevilha por 4-3. No primeiro jogo o resultado também tinha sido favorável aos minhotos, por 1-0.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.