7308 quilómetros é a distância que separa Lisboa de Astana no Cazaquistão. Para além da distância e do cansaço físico que implica a enorme deslocação, há mais dois factores a ter em conta: O frio e o relvado.

No mês de fevereiro, altura em que os leões vão defrontar a equipa cazaque, os portugueses podem esperar temperaturas na ordem dos 10 graus negativos. Condições muitos difíceis para a prática do futebol. A isto se junta também o relvado: Sintético e que normalmente dificulta a vida a quem treina e joga em relvados naturais.

Ainda assim, favoritismo inquestionável do Sporting nesta eliminatória. Depois de uma Liga dos Campeões em que se exibiu a bom nível, o Sporting vai procurar fazer uma boa prestação na Liga Europa, numa prova em que poderá ter sérias ambições.

O Astana assegurou a presença nos 16 avos de final, depois de ter terminado em segundo lugar no Grupo A, em que também moravam o Villarreal, o Maccabi e o Slavia Praga. A equipa cazaque somou 10 pontos em seis jogos, marcou 10 golos e sofreu sete.

A primeira mão dos 16 avos de final será jogada no dia 15 de fevereiro no Cazaquistão. A segunda mão disputa-se no estádio de Alvalade no dia 22 de fevereiro.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.