O treinador do Sporting Domingos pediu esta quarta-feira «tempo para recolocar o clube no trilho do sucesso», na conferência de imprensa de lançamento do jogo de quinta feira com o Zurique do grupo D da Liga Europa em futebol.

«É importante dar confiança à equipa. Cabe-me sentir quando os jogadores estão mais confiantes, e é natural que o treinador faça essa análise para chegar ao melhor onze. Mas não é de um dia para o outro que se consegue fazê-lo», disse hoje Domingos na Suíça, quando questionado sobre o mau começo de época dos leões e a pressão que recai sobre a equipa para ganhar.

A postura que deixa transparecer no banco, quando as coisas estão a correr mal dentro do campo, também foi abordada na conferência, com Domingos a defender-se: «Não gosto de perder nem de sofrer golos. Por vezes a minha imagem pode parecer de desespero, mas não é. É a imagem de quem acredita nesta equipa e nestes jogadores, mas que sabe que há muito gente que quer um Sporting forte e uma equipa para ontem, e nós temos uma equipa para amanhã».

O capitão do Sporting João Pereira não atribui favoritismo à sua equipa na eliminatória com o Zurique: «Considero que há cinquenta por cento de possibilidades para cada uma de seguir em frente. É preciso não esquecer que o Zurique é uma equipa com jogadores que jogam juntos há muito tempo, ao contrário do Sporting».

O Sporting, que treina hoje a partir das 19h00 locais, no Estádio Letzigrund, defronta esta quinta-feira em Zurique a equipa local, em jogo da primeira mão da primeira jornada do Grupo D da Liga Europa, do qual fazem também parte os italianos da Lazio de Roma e os romenos do Vaslui.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.