Iuri Medeiros assumiu as culpas pela sua expulsão já no prolongamento diante do Rangers, numa altura em que o SC Braga tentava empatar a eliminatória na Liga Europa. O extremo viu amarelo aos 105 minutos por uma falta sobre um contrário, protestou muito e viu um segundo amarelo, e consequente vermelho. Nessa altura o Braga já jogava com menos um, após a expulsão de Tormena aos 40 minutos.

O jogador reagiu nas redes sociais, onde mostrou arrependido do seu comportamento.

"Arrependo-me do que fiz, agi de cabeça quente e prejudiquei a minha equipa. Se tiver que ter consequências, assumo-as. Sempre dei tudo por este clube e sempre vou dar até ao último dia. Peço desculpa a todos os meus colegas, que não merecem, adeptos e clube", escreveu Iuri Medeiros na rede social Instagram.

No final do jogo, Carlos Carvalhal criticou a atitude do seu jogador e disse que o mesmo "será alvo de resolução interna".

"São assuntos internos do grupo e do clube. […] São situações irrefletidas, que serão alvo de resolução interna. Somos todos profissionais, estamos a servir o Braga, temos de dar o máximo campo", comentou o treinador do SC Braga.

Depois de vencer na 1.ª mão dos quartos de final da Liga Europa por 1-0, os minhotos perderam na Escócia com o Rangers por 3-1 e disseram adeus à Liga Europa, num jogo apenas resolvido no prolongamento. Tormena foi expulso aos 40 minutos no lance que deu o 2-0 ao Rangers.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.