Jorge Jesus, treinador do Benfica, em declarações na flash interview da Sport TV após o empate na Bélgica.

O melhor e o pior no jogo de hoje: "Acho que foi um bom jogo. O Standard de Liège teve um futebol agradável, foi um jogo muito disputado nas duas grandes áreas, com oportunidades de golo para as duas equipas, mais para a equipa do Benfica. Fizemos um jogo melhor na primeira parte, na segunda melhorámos com as substituições. Achei que fizemos coisas muito boas neste golo. Sofremos dois golos, mais mérito da equipa adversária do que demérito nosso, da nossa desorganização defensiva. Ofensivamente fizemos dois golos, podíamos ter feito mais. Foi uma fase de grupos boa, porque não conhecemos a derrota. Foram pontos que conquistamos não só para o nosso apuramento mas tambem para o ranking da UEFA"

Falta de solidez defensiva: "Não me satisfaz, mas de qualquer forma tivemos jogos onde faltou organização defensiva da equipa, hoje não, no último jogo também não. Temos de dar mérito às jogadas do Standard. Achei que a equipa esteve bem, o Standard não nos criou grandes problemas além dos golos. Hoje lançamos mais um menino, o João deu um bom sinal de que podemos contar com ele. Já lhe tinha dito que mais jogo menos jogo o ia colocar e na minha opinião ele esteve muito bem"

Alivio no calendário: "Eu acho que a equipa está a ter um desempenho, não excelente por que não estamos no 1.º lugar do campeonato, mas está apurada na Liga Europa e agora está nas outras frentes. Aqui e acolá fez jogos de grande qualidade, aqui e acolá não teve a qualidade que a equipa tem de ter. Mas não vai ser nestas semanas que vamos ter tempo. Temos jogo para a Taça de Portugal e logo a seguir para a Taça da Liga, não vamos ter tempo. Lançamos jogadores hoje que estiveram bem, João Ferreira, Pedrinho..."

Everton sem descanso e Vertonghen capitão: "O Everton tem sido um jogador ao qual não dei folga, era para dar hoje, mas optei pelo Pizzi e pelo Rafa. Se calhar no próximo jogo com o Vilafranquense dou-lhe descanso, não entra de início. O Vertonghen foi capitão, tem a vez com o fato de ser um jogador com muito carisma na Bélgica, é capitão da seleção, estava a jogar no seu país e falei com o Jardel, que ia ser capitão e coloquei-lhe a questão e ele concordou em darmos a faixa de capitão ao Vertonghen"

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.