O Sporting de Braga, em boa forma neste começo de temporada, arranca na quinta-feira a sua participação na Liga Europa de futebol com uma viagem até Malmö para defrontar o bicampeão sueco, equipa em crise no campeonato.

No duelo inaugural do Grupo D, o Sporting de Braga, que vem de um ciclo vitorioso na I Liga, vai pela primeira vez na sua história medir forças com o Malmö, emblema que tem dominado o futebol sueco nos últimos anos, mas que está a realizar uma das piores temporadas da última década.

Liderado pelo antigo defesa central Artur Jorge, que, aos 50 anos, está a efetuar a sua primeira época desde início no principal escalão português, a equipa minhota viaja para a Suécia após quatro jogos seguidos a vencer, e sem qualquer golo sofrido, na I Liga, o mais recente frente ao eterno rival minhoto Vitória de Guimarães, batido por um golo de Tormena já nos descontos.

Como ‘cartão de visita’ para o suecos, o Sporting de Braga apresenta também as goleadas impostas ao Arouca (6-0) e Marítimo (5-0), alcançadas numa altura em que o internacional português Ricardo Horta, sua principal figura, parecia estar com ‘pé e meio’ fora do clube (rumo ao Benfica), acabando por permanecer, pelo menos, até janeiro do próximo ano.

Finalista vencido da Liga Europa em 2010/11 (derrota por 1-0 com FC Porto, em Dublin), a equipa bracarense aparece com candidato ao apuramento e também a vencer o Grupo D, que também inclui os germânicos Union Berlim e os belgas Union Saint-Gilloise, emblemas sem tradições europeias nas últimas décadas.

Com o campeonato sueco bem mais adiantado (vai na 21.ª jornada), o Malmö recebe o Sporting de Braga numa altura em que vive uma crise de resultado, com um empate e duas derrotas nos últimos três jogos, e em que ocupa um impensável quinto lugar, a 11 pontos da liderança.

Histórico da Suécia, já que é o clube com mais campeonatos (22) e Taças, o Malmö apresenta uma equipa com um elevado número de jogadores com 30 ou mais anos, em que se destacam Martin Olsson (34), lateral que passou várias temporadas na Premier League, e Toivonen (36), que esteve em Inglaterra, Países Baixos e França.

No banco, o emblema sueco será liderado por Andrés Georgson, técnico de apenas 37 anos, que assumiu a equipa a meio da época devido aos maus resultados.

O encontro está agendado para as 17:45 (horas de Lisboa), com Union Berlim, de Diogo Leite, e Union Saint-Gilloise a defrontarem-se à mesma hora, na Alemanha.

Nesta primeira jornada da Liga Europa, destaque para a receção do Fenerbahçe, de Jorge Jesus, ao Dinamo Kiev, em novo embate entre estes dois emblemas, após os ucranianos terem eliminado os turcos nas pré-eliminatórias da Liga dos Campeões.

A Roma, de José Mourinho, joga na Bulgária, com o Ludogorets, enquanto o Manchester United, de Diogo Dalot, Bruno Fernandes e com Cristiano Ronaldo, a viver uma nova realidade nesta prova, recebe a Real Sociedad.

A final da edição de 2022/23 da Liga Europa está agendada para 31 de maio de 2023, na Puskas Arena, em Budapeste (Hungria).

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.