O Rio Ave, que está pela quarta vez na sua história nas competições europeias, conhece esta segunda-feira o seu adversário da segunda pré-eliminatória da Liga Europa de futebol, num sorteio em que é cabeça de série.

Agora comandado por Mário Silva, que foi o escolhido para render Carlos Carvalhal, que rumou ao Sporting de Braga, o Rio Ave já sabe que vai evitar equipas como o Tottenham, de José Mourinho, o AC Milan, de Rafael Leão, o Granada, de Rui Silva e Domingos Duarte, o Galatasaray, o Copenhaga, o Basileia ou o Wolfsburgo.

Da longa lista de 34 possíveis adversários dos vila-condenses existem algumas equipas bem ‘simpáticas’, como o Lincoln, de Gibraltar, o Progrés, do Luxemburgo, o Hibernians, de Malta, o Riteriai, da Lituânia, o Bala Town, do País de Gales ou o B36 Tórshavn, das Ilhas Faroé.

Mesmo que desportivamente sejam em teoria acessíveis, rivais como o Kaisar, do Cazaquistão, o Neftci, do Azerbaijão, e o Sfintul, da Moldávia, prometem complicar a vida à formação portuguesa, sobretudo caso tenha que jogar fora, devido à logística e à duração das viagens.

Os gregos do Aris e OFI Creta podem complicar a vida do Rio Ave, assim como o Servette, da Suíça, os suecos do IFK Gotemburgo e do Hammarby, ou até o Bodo/Glimt, vice-campeão norueguês e equipa que atualmente lidera o campeonato do seu país com larga vantagem (10 pontos), sem derrotas e com apenas dois empates em 15 jogos.

No lote de possíveis adversários, destaque também para a presença do Kukesi, do Laçi e do Teuta, três equipas da Albânia.

Os jogos da segunda pré-eliminatória da Liga Europa estão agendados para 17 de setembro e todas as rondas preliminares até à fase de grupos serão jogadas em apenas um jogo, à porta fechada e sem vídeoárbitro.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.