Lloris foi outro dos rostos da revolta do Tottenham depois da eliminação dos Spurs na Liga Europa.

O guarda-redes apontou a mira, tal como Mourinho, aos jogadores da equipa.

"Foi uma desgraça. Espero que todos no balneário se sintam responsáveis pela situação porque é uma desgraça. (...) O sabor da derrota de hoje é mais que doloroso e somos todos responsáveis", disse.

O francês considerou que a equipa precisa de ser mais forte e mais competitiva, considerando que a culpa é de toda a equipa.

"Mentalmente deveríamos ser mais fortes, devíamos de ser mais competitivos. Hoje não senti isso em campo, infelizmente quando não está pronto a este nível pagas logo. Mérito do adversário, porque jogaram cheios de crença, mas a culpa é nossa, de toda a equipa, de todo o clube, somos culpados", afirmou.

Lloris deixou mensagens para o balneário da equipa, considerando que há quem não mostre ambição suficiente nos jogos e nos treinos, abordando ainda a confiança que se vive no interior da equipa.

"Uma coisa é vir para a frente das câmaras dizer que sou ambicioso, outra é mostra-lo todos os dias nos treinos, no relvado, não podes relaxar quer jogues, quer não. (...) Tivemos grandes momentos no passado porque havia confiança na união da equipa. Hoje, não tenho a certeza disso", concluiu.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.