Max Taylor foi convocado por Ole Gunnar Solskjaer para o jogo com o Astana, da 5.ª jornada da fase de grupos da Liga Europa.

O jovem defesa de 19 anos está recuperado, depois de há um ano ter-lhe sido diagnosticado um cancro nos testículos. Voltou aos relvados nos sub-23 dos 'red devils' no mês passado, numa vitória frente ao Swansea e foi suplente utilizado no triunfo por 3-0 sobre o Sunderland esta semana, também para o campeonato de sub-23. Agora prepara-se para fazer a sua estreia na Liga Europa, um ano depois de saber que tinha um cancro.

"Ole [Solskjaer] deu algumas oportunidades aos mais jovens de viajarem com a equipa principal e espero que alguns possam jogar. Há um ano, por esta altura, estava a começar a quimioterapia e não imaginava que agora iria estar a viajar com a primeira equipa. Não importa o ambiente que vamos encontrar [em Astana]. Só estar aí já é algo espetacular. É um sonho que me lembro de ter desde que comecei a jogar futebol: estar na primeira equipa do Manchester United", disse o defesa de 19 anos, em declarações ao site do Manchester United.

Com o Manchester United já apurado para a próxima fase, Solskjaer, técnico dos 'red devils', aproveitou para levar vários jovens da formação do clube para o Cazaquistão para este jogo com o Astana, da 5.ª jornada da Liga Europa. O Manchester United lidera o Grupo L com dez pontos, seguido do AZ Alkmaar com oito. O Partizan tem quatro, o Astana não soma qualquer ponto.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.