O Estádio dos Barreiros foi aprovado pela UEFA, pelo que o Marítimo, da Liga portuguesa de futebol, pode disputar o jogo do "play-off" da Liga Europa, caso a equipa dispute essa fase da competição europeia.

O Marítimo só entrará de forma direta nessa fase caso o Sporting conquiste no domingo a Taça de Portugal, mas o clube madeirense acautelou-se, solicitando a homologação do seu recinto, cujas obras de remodelação se encontram paradas, por falta de verbas.

«Já temos autorização da UEFA para disputar os jogos do `play-off´ no Estádio dos Barreiros. Agora, iremos solicitar ao organismo uma medida de exceção para realizar também os jogos da fase de grupos», disse Carlos Pereira, presidente do Marítimo.

Na época 2009/10, o Marítimo participou nas pré-eliminatórias da Liga Europa, mas disputou os respetivos jogos no Estádio da Madeira, propriedade do Nacional, uma vez que os Barreiros não tinham homologação da UEFA.

Os insulares qualificaram-se para o "play-off", tendo então recebido autorização do organismo para disputar o jogo frente aos bielorrussos do BATE Borisov no seu recinto de jogo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.