Sem a orientação do técnico Manuel Machado, ainda internado devido a complicações numa cirurgia, o Nacional não conseguiu o 'milagre' de que necessitava para poder continuar a alimentar a esperança de seguir em frente na Liga Europa.

Os madeirenses precisavam de uma vitória diante do Werder Bremen, mas não mostraram argumentos para travar a formação germânica, que acabou por ganhar a partida por 4-1. No entanto, os números são demasiado pesados para o que se verificou no relvado de Bremen.

Embora superiores, os alemães só construíram a goleada nos últimos minutos.

De facto, Rosenberg deu vantagem aos alemães, ao marcar aos 31 e 33 minutos. Ruben Micael ainda reduziu para 2-1 aos 61 minutos, mas o cair do pano sobre o encontro foi fatal para o Nacional, com Moreno (84') e Marin (90') a sentenciarem o resultado em 4-1.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.