Com a presença na final da Taça de Portugal assegurada e uma vantagem preciosa na reta final do campeonato, os adeptos do Benfica sonham agora com a reviravolta nas meias-finais da Liga Europa, face à desvantagem de 1-0 trazida da primeira mão com o Fenerbahçe. 
Entre esses adeptos estão os ex-dirigentes encarnados Seara Cardoso e Manuel Botto. Numa visita ao Portugal Open, ambos expressaram ao SAPO Desporto a sua crença num «final feliz» para o Benfica neste percurso europeu de 2012/13. 
«Vamos ganhar esta quinta-feira, não espero outra coisa. Estarei lá no estádio, uma hora antes do jogo, preparado para a vitória», prometeu Seara Cardoso, num otimismo partilhado por Manuel Botto: «Acredito na vitória na Liga Europa. Acho que o Benfica tem todas as hipóteses de ganhar. Chega 2-0.»
Para Seara Cardoso, antigo vice-presidente dos encarnados, a equipa de Jorge Jesus está a fazer «a melhor época dos últimos anos». «Se calhar a melhor de sempre, se conseguirmos alcançar os objetivos. E eu acho que é possível . Acredito que é possível ganhar as três provas», declarou, sem deixar de enaltecer o trabalho do técnico: «Depois de Mourinho é o melhor treinador português.»
No seguimento dessas palavras, o ex-dirigente reforçou a visão de um Jorge Jesus à imagem de Alex Ferguson no Benfica. «Acredito que pode ser. O que ele tem feito pelo Benfica e pelos jogadores, em termos financeiros, são coisas que nunca ninguém fez. O Jorge Jesus e o presidente Luís Filipe Vieira formam uma dupla imbatível.»
Manuel Botto manifestou igualmente a sua «alegria e satisfação» pelo trajeto dos encarnados, em especial de Jorge Jesus. «Estou satisfeito com o trabalho de Jesus. Este ano tenho gostado do trabalho dele e o balanço dos quatro anos é um balanço positivo. O Benfica tem jogado de uma forma diferente, melhor, mais apelativa para os sócios e mais de acordo com a identidade do Benfica», explicou o antigo dirigente do clube da Luz.
A análise positiva do presente e passado recente da equipa leva-o a defender a continuidade da atual estrutura para o futuro. «O Benfica deve ter estabilidade, quer diretiva, quer de comando técnico de futebol. A direção é que tem de decidir e nós, sócios, temos de apoiar», rematou.
O Benfica defronta esta quinta-feira (20h05) o Fenerbahçe por um lugar na final da Liga Europa.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.