Ivan Rakitic, o capitão do Sevilha, que na quarta-feira derrotou o Benfica para conquistar a Liga Europa de futebol, “culpou” hoje Daniel Carriço pelo beijo entre os dois que inundou as redes sociais.
“Ele queria dar um beijo na cara, como é habitual, mas saiu assim. Foi precisamente esse momento que foi apanhado pela câmara”, explicou o croata, eleito melhor jogador da final da Liga Europa.
Rakitic e Daniel Carriço foram “apanhados” pelas câmaras a darem um beijo na boca nos festejos após a vitória por 4-2 nas grandes penalidades frente ao Benfica.
“Precisamos dele, por isso azar. Que posso fazer, matá-lo?”, questionou em tom de brincadeira em declarações ao programa desportivo Deportes Cuatro.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.