"O jogador tem contrato. No entanto, desde que as partes se entendam o Nacional não prende ninguém. Faz parte do seu objectivo valorizar e promover a transferência de jogadores", afirmou Rui Alves à Antena 1.

O presidente vai mais longe e admite que a saída do maiderense poderá culminar com uma transferência recorde no clube: "Podemos estar a falar num valor recorde de transferência de jogadores. Estamos a falar de 10 milhões de euros".

Sobre a prestação do clube insular na Liga Europa, o dirigente revela que o Nacional só poderá continuar a pensar em passar à segunda fase da prova se derrotar esta quinta-feira o Athletic Bilbao: "Só podemos alimentar a esperança de passar à fase seguinte se conseguirmos uma vitória no jogo de amanhã. Apesar da inexperiência nesta fase da competição, os jogadores já se aperceberam que não jogamos contra gigantes".

Nesse sentido, o presidente acredita que os jogadores "vão ser capazes de ganhar amanhã ao Athletic Bilbao".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.