O Sporting recebeu e goleou esta noite os holandeses do PSV Eindhoven, por 4-0, em jogo a contar para o grupo D da Liga Europa. Com esta vitória, os leões apuraram-se para os 16 avos da competição.

O Sporting arrancou o encontro em força e com os olhos postos na vitória e, consequentemente, nos 16 avos de final da Liga Europa. Logo aos 9 minutos, Bruno Fernandes cruzou e Luiz Phellype antecipou-se de cabeça e abriu o marcador para felicidade dos adeptos leoninos.

Não foi preciso esperar mais para ver o segundo da equipa de Silas. Aos 15 minutos, Bruno Fernandes arriscou de longe com a bola a bater ainda no poste antes de entrar para o fundo das redes holandesas.

Sofridos dois golos, os homens do PSV Eindhoven cresceram no jogo e foram ganhando espaço no meio-campo do Sporting, que estava muito recuado, mas seguro.

Em pouco mais de um minuto, o PSV Eindhoven ameaçou a baliza da Luís Maximiano por duas vezes, ambos por Bruma. Primeiro, o extremo português atirou, mas viu o remate ser cortado por Ilori. Já da segunda vez, Bruma recebeu na área e lançou um 'tiro', que acabou por sair ao lado da baliza leonina.

Aos 41 minutos de jogo instalou-se a maior das confusões à boca da baliza do PSV Eindhoven. Bolasie e Doumbia bem tentaram, mas não conseguiram marcar. No entanto, na jogada seguinte e, na sequência de um canto de Bruno Fernandes, Mathieu 'disparou' para o terceiro golo do Sporting.

Já na segunda parte, o PSV Eindhoven voltou com as ideias alinhadas e com o objetivo de abanar as redes de Luís Maximiano. No entanto, o Sporting continuou a dominar o encontro e esteve perto de aumentar a vantagem aos 57 minutos por Vietto, que atirou colocado e viu a bola a passar (bem) perto da trave holandesa.

Aos 64 minutos, Acuña estava em plena arrancada na direção da baliza de Unnerstall quando foi derrubado. O árbitro assinalou penálti e Bruno Fernandes foi chamado à marca dos 11 metros. O capitão leonino atirou para um lado, o guarda-redes dos holandeses atirou-se para o outro. Estava feito o quarto do Sporting.

Com o andamento do encontro, as oportunidades iam diminuindo para as duas equipas. O Sporting continuava por cima, enquanto o PSV parecia ter desistido de 'ameaçar' a baliza de Luís Maximiano.

Aos 75 minutos, os leões ainda voltaram a 'assustar' o PSV, com Acuña a fazer o cruzamento e Jesé a falhar o desvio, por uma 'unha negra'.

Ao fim dos 90 minutos, e sem surpresas, o Sporting conseguiu os três pontos e carimbou assim a passagem aos 16 avos de final da Liga Europa.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.