Adi Hutter pede um jogo perfeito ao Eintracht de Frankfurt para eliminar o Benfica, na segunda-mão dos quartos-de-final da Liga Europa. Na antevisão do encontro, marcado para às 20h00 desta quinta-feira, o técnico do emblema alemão deixou rasgados elogios a João Félix e disse que o Benfica é favorito a passar para a próxima fase.

Como dar a volta a eliminatória? "Precisamos de um jogo perfeito, temos de marcar pelo menos dois golos, estamos a jogar contra uma das melhores equipas da Europa. Temos qualidade, a jogar em casa, gerir as emoções, mas claro que precisamos de um jogo perfeito. Mesmo tendo 10 jogadores na primeira-mão conseguimos equilibrar, jogar bem e fazer golos. O que espero é conseguir jogar com alegria e mostrar a nossa qualidade e paixão no relvado. Mas temos de ter muito cuidado porque o Benfica é uma equipa muito boa."

O que é preciso fazer para o jogo perfeito? "Não dar possibilidades de golo à outra equipa, controlar o jogo. Estarmos sempre ativos, jogar com alta velocidade, ter ocasiões para marcar. Temos de ser muito cautelosos quando perdemos a bola, porque eles são muito rápidos e não podemos conceder chances e sofrer golos. Isso seria um jogo perfeito para mim."

Equilíbrio na 1.ª mão até a expulsão: "Nos primeiros minutos vi um Eintracht muito bem, também um Benfica com qualidade técnica, velocidade de jogo ofensivo com João Félix, que tem uma altíssima qualidade, um jogador que consegue fazer praticamente tudo, que é muito perigoso. A defesa do Benfica também é boa, mas amanhã jogamos em casa e queremos mostrar a nossa qualidade."

Análise ao Benfica: "Na verdade não fiquei surpreendidos com nada do Benfica, porque vi no relvado tudo o que tínhamos conversado. Um jogo muda quando há uma expulsão. Falámos sobre o Félix que sozinho pode mudar um jogo inteiro e mesmo com 10 conseguimos jogar bem, fora de casa. Tivemos também a oportunidade do Kostic. Acho que amanhã temos todas as possibilidades de passar à próxima fase."

Elogios a João Félix: "Não é o único jogar que marca golos no Benfica. Claro que é um jogador muito importante, mas há vários, Rafa por exemplo, que também joga muito bem. E há outros que marcam. Mas o Félix realmente tem um bom passe e uma finalização excelente. Temos de entrar com muta garra no jogo, mostrar vontade de lutar."

O Benfica defronta o Eintracht Frankfurt na quinta-feira, em jogo com início às 20:00, da segunda mão dos quartos de final da Liga Europa, que será dirigido pelo árbitro italiano Daniele Orsato.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.