A UEFA suspendeu hoje o futebolista do Marselha Patrice Evra até 30 de junho de 2018, na sequência do pontapé dado pelo francês a um adepto, antes do início do encontro da Liga Europa com o Vitória de Guimarães.

A UEFA suspendeu o defesa francês de todas as competições realizadas em solo europeu até ao final da temporada e aplicou-lhe uma pena de 10.000 euros.

Em 02 de novembro, os adeptos e os jogadores do Marselha, no qual alinha o português Rolando, envolveram-se em agressões no relvado do Estádio D. Afonso Henriques antes do jogo para a Liga Europa de futebol entre a equipa francesa e o Vitória de Guimarães, que os vimaranenses viriam a vencer por 1-0.

As agressões começaram cerca de 25 minutos antes do início do jogo, com alguns dos cerca de 500 adeptos franceses a invadirem o relvado a partir da bancada norte do recinto vimaranense, tendo começado a agredir alguns dos jogadores mais próximos, o que levou o resto do plantel a acorrer ao local.

Durante os confrontos, Evra, lateral esquerdo internacional francês, atingiu um dos adeptos com um pontapé e, mal o confronto foi sanado, dirigiu-se de imediato com dois colegas para o balneário, tendo sido depois expulso ainda antes do início do encontro.

A UEFA multou ainda o Marselha em 25.000 euros, com o clube francês a ficar obrigado a contactar o Vitória de Guimarães no prazo de 30 dias para chegar a acordo sobre as verbas a pagar aos vimaranenses pelos estragos causados pelos seus adeptos.

Os minhotos foram também condenados a pagar uma multa de 5.000 euros devido à invasão do campo por parte dos seus adeptos.

*Artigo atualizado

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.