“É ponto final. Aritmeticamente é quase impossível acontecer algo mais”, disse Manuel Machado, para quem “os detalhes foram importantes neste jogo e nos jogos do grupo de qualificação, face a adversários mais experientes e com mais tarimba nas competições europeias”.

Contudo, o treinador “alvi-negro” destacou que a sua equipa tem estado nesta competição “a um nível exibicional que prestigia o emblema, embora sem o rendimento necessário”.

Manuel Machado disse ainda que a equipa de arbitragem, especialmente o árbitro principal, o escocês William Collum, “tenha acusado também alguma inexperiência, não assinalando uma grande penalidade a favor do Nacional, no final do encontro”.

Joaquin Caparrós Camino, técnico do Athletic Bilbau, preferiu salientar que “está quase feito”, admitindo a posição privilegiada da sua equipa no grupo para a qualificação à fase seguinte da prova.

Referiu, contudo, que no jogo “faltou alguma tranquilidade aos jogadores, que tentaram fazer as coisas demasiadamente depressa”.

“Mas o mais importante foi o resultado. O empate é bom e praticamente garantiu a nossa qualificação”, concluiu.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.